Mulher lendo o jornal da manhã

NEWS

'A Dra. Vanise Zimmer não é apenas uma fundadora de um neobank, ela também salva vidas. Com seu aplicativo, Elas, Zimmer tem a usado fintech poderosamente para transformar a vida das mulheres no Brasil, capacitando-as a tomar decisões independentes com seu dinheiro. Vanise Zimmer, atua para nivelar o jogo do dinheiro e melhorar a vida de muitos. Tivemos que incluir a maravilhosa Dra. Vanise Zimmer em nossa equipe incrivelmente corajosa de Espadachins.'

warrior.png

Como toda mulher que faz mil coisas ao mesmo tempo, ela se dedicou a estudar várias áreas para entender diferentes abordagens do assunto e, hoje, une Psicologia, Finanças, Economia e Inteligência Artificial em um lugar que está sendo cada vez mais procurado por elas: o banco.

Conheça a trajetória de vida e de trabalho dessa mulher que está ajudando muitas mulheres a receberem mais um grande papel na vida: o de investidoras – e de muito sucesso.

mulheres estilo.png

Áreas de ciência e tecnologia ainda são predominantemente masculinas, com um ambiente não muito convidativo para mulheres;

  • Dra. Vanise Zimmer fala sobre a necessidade de um sistema mais inclusivo, e de como conheceu o Blockchain em entrevista para Sabrina Coin. Confira

crypto.png

Falamos em promover igualdade de gênero porque ela não existe. Existe Gaps de gênero no mercado financeiro, no mercado de trabalho, na economia, na vida em geral. Então, quando falamos em promover a igualdade de gênero, precisamos passar primeiro pelo processo de tornar as relações de gênero equitativas.

O que isso significa quando falamos de finanças?

Que precisamos criar produtos de investimento que sejam acessíveis às mulheres de baixa renda, com pouca informação, que sejam seguros e tragam a maior rentabilidade possível. Implica em gerar acesso ao sistema bancário para a maioria das mulheres, que está excluída.

 

Diadamulherdestaque (2).jpg

"Uau! Isso é tudo que posso dizer sobre a nova entrevista para meu blog com a Dra. Vanise Zimmer, Ph.D em engenharia e psicóloga de profissão, é fundadora do banco para Mulheres – LadyBank no Brasil.

Quando ouvi pela primeira vez sobre esse novo banco digital, soube que precisava conversar e me conectar com ela... Em sua entrevista, ela fala sobre por que decidiu começar o LadyBank e como sua pesquisa deu uma visão sobre por que tantas mulheres ao redor do mundo não têm acessibilidade financeira … isto é, elas NÃO têm acesso a serviços financeiros.

Me surpreende como essa mulher extraordinária aplicou seus conhecimentos e descobertas para criar algo único para as mulheres, ao mesmo tempo que empodera  as mulheres para que adquiram mais conhecimentos financeiros.

Espero que você ache esta entrevista tão fascinante quanto eu."

the devil.png

Você sabia que a vida financeira está mudando e que o mercado de capitais vem incorporando funções da Inteligência Artificial? A novidade é que estamos entrando na era da Indústria 4.0, com a automação da indústria e das finanças sendo considerada a Quarta Revolução Industrial. Por que ela é importante? Porque ela também vai afetar as nossas finanças pessoais e a forma como nos relacionamos com o nosso dinheiro. 
Portal Acionista: o HUB do mercado financeiro. Leia mais em:: https://acionista.com.br/a-era-da-industria-4-0-tornando-as-financas-mais-femininas/

Piloto Automático.jpg

Nos últimos dois anos, a taxa de bancarizados subiu para 70% da população brasileira, e muitas mulheres passaram a ter conta bancária e um cartão de crédito, mas ainda há uma grande “negligência” acerca do impacto das relações sociais de gênero nas finanças, especialmente para as mulheres. Podemos realmente afirmar que conhecemos o resultado das relações sociais de gênero na saúde financeira das mulheres? Precisamos perguntar, por exemplo, se os serviços extras do cartão de crédito são “ajustados” para cada perfil de cliente, inclusive para as mulheres!

mulheres em ação.png